Aluguel de Imóveis,  Imóvel Jaú,  Imóvel Pederneiras

O que rende mais: vender ou alugar o imóvel?

Gerar dinheiro é o principal objetivo de quem tem um imóvel parado. Isso é um fato. Agora, como rentabilizar esse bem, é uma das preocupações dos proprietários. E essa dúvida se resume a duas possibilidades: vender, ou alugar. Qual é a melhor opção?

Para a grande maioria das pessoas, vender ou alugar um imóvel está relacionado basicamente em adquirir uma quantia financeira elevada, de uma só vez, ou quantias razoáveis mensalmente, para um médio ou longo prazo. Mas acredite, as possibilidades, benefícios e atenções sobre o que fazer com seu imóvel vai muito além disso.

E como nós temos quase 40 anos de experiência no mercado imobiliário, separamos aqui alguns pontos para te ajudar a tomar a melhor decisão.

VENDA
Seja qual for o motivo da venda, algumas perguntas precisam ser respondidas por você, proprietários. Dentre elas estão: “o que será feito com o dinheiro?”. Como dissemos, quando uma pessoa decide por vender o imóvel, ela receberá uma quantia financeira considerável e de uma só vez. Então, seja para quitar uma dívida, investir em um outro negócio, de outro segmento, ou até mesmo para custear uma emergência familiar, sobretudo, é fundamental saber que há a possibilidade de que da mesma forma em que ele [dinheiro] entrou na conta, ele pode sair.

Oriente-se!
Por isso, a nossa recomendação é sempre analisar com bastante atenção e cuidado todas as possibilidades. Agora, se ainda está em dúvida se vender é um bom negócio ou não, converse com uma equipe que realmente entende da região em que você mora, e que possa ajudá-lo e orientá-lo da melhor forma, inclusive para realizar o melhor negócio para você. Podemos realizar uma simulação e analisar os prós e contras da operação.

ALUGUEL
Agora, se o seu objetivo é disponibilizar o seu imóvel para locação, alguns benefícios também serão incluídos nesta tomada de decisão. Dentre as mais impactantes e que você precisa saber, com certeza, é que por um bom tempo poderá estar livre de alguns gastos extras. Segundo a lei do inquilinato, você [proprietário] é responsável pela maioria das taxas do imóvel. Mas existe a possibilidade de transferir essas taxas para o inquilino, de forma consensual e legal. Basta estar tudo em contrato. Ou seja, você pode deixar de ter gastos como o IPTU e condomínio deste imóvel que está parado.

Além desse benefício, saber que terá uma renda extra, com o aluguel, pode ser uma vantagem e tanto. Ainda mais se tratando do mercado imobiliário, um dos segmentos mais seguros. Outro ponto importante, é a expectativa de gerar receita e ainda vai manter em seu nome um bem que só tende a valorizar média de 20% ao ano.

Gostou das nossas dicas? Ainda tem dúvidas se vende ou aluga o seu imóvel? Então venha conversar com a nossa equipe na Imobiliária Gabriel. Vamos ajudá-lo a fazer o melhor negócio com o seu imóvel.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

WhatsApp Contato Whatsapp